Preços ao produtor mensal sobem 3,36% em janeiro – IBGE

Os preços da indústria subiram 3,36% em janeiro de 2021, na comparação com dezembro de 2020, aumento superior ao de dezembro contra novembro (0,39%). Em janeiro, todas as 24 atividades apresentaram variações positivas de preços, contra 17 em dezembro.

Ao comparar janeiro de 2021 com janeiro de 2020 a variação de preços ocorrida foi de 22,96%, contra 19,38% em dezembro/2020. As quatro maiores variações de preços ocorreram em indústrias extrativas (52,91%), metalurgia (38,42%), madeira (35,61%) e alimentos (34,62%). Neste indicador, os setores de maior influência foram: alimentos (7,96 p.p.), indústrias extrativas (2,51 p.p.), outros produtos químicos (2,31 p.p.) e metalurgia (2,29 p.p.).

O Índice de Preços ao Produtor (IPP) das Indústrias Extrativas e de Transformação mede a evolução dos preços de produtos “na porta de fábrica”, sem impostos e fretes, e abrange informações por grandes categorias econômicas, ou seja, bens de capital, bens intermediários e bens de consumo (duráveis e semiduráveis e não duráveis). As informações são do IBGE.

Data: 03/03/2021
Fonte: Safras & Mercado

Últimas notícias