Impactos da compactação, descompactação e rotação de culturas no SPD

A seção Plantio Direto da edição de fevereiro d'A Granja aborda a compactação de solo e seus danos – assim como as maneiras de evitá-las ou saná-las. "O uso de sistemas intensivos demonstrou claramente que as condições físicas dos solos são melhoradas pelo desenvolvimento dos sistemas radiculares abundantes, os quais criam poros contínuos. Estes bioporos, apresentam pouca resistência ao crescimento radicular das culturas mais suscetíveis aos efeitos da compactação do solo", destaca o texto uma das soluções.

Conforme o artigo, o sistema plantio direto promove as melhores condições físicas dos solos para o crescimento radicular e incrementos de produtividade de grãos das culturas agrícolas. "Os rendimentos de grãos de soja, milho e trigo são reduzidos tanto pela excessiva compactação quando pelos efeitos adversos da escarificação do solo (descompactação) devido aos efeitos adversos de redução do armazenamento de água disponível às plantas. O uso de rotação com culturas de cobertura com sistema radicular abundante, tais como a braquiária, melhora a estrutura do solo, o que favorece a formação de bioporos que reduzem os efeitos da compactação do solo na produtividade de grãos das culturas".

Clique aqui e acesse a matéria completa.

Data: 26/02/2020
Fonte: A Granja

Últimas notícias