Plantio Direto

Importância na adoção do SPD com QUALIDADE

Jônadan Ma, Ivo Mello, Jeankleber Bortoluzzi, Marie Bartz, Alfonso Sleutjes, Rafael Fuentes e Ricardo Ralisch, da diretoria da Febrapdp, e Cássio Wandscheer, do Parque Tecnológico Itaipu

A importância da produção agropecuária brasileira é indiscutível, sendo o Brasil o principal produtor mundial se considerada a diversidade dos itens produzidos. Para o País, os benefícios são ainda mais notórios, pois se tornou a principal sustentação da economia. Além do PIB e da geração de emprego, há o efeito na balança comercial. Dados de 2017, da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento e do Comércio, mostram que o saldo tem sido superavitário nos últimos 18 anos consecutivos, graças ao agronegócio, compensando os demais setores, que são deficitários. É isto que mantém as reservas cambiais nacionais, contendo processos inflacionários gerados, justamente, pelos setores deficitários. Logo, a economia brasileira é dependente da agropecuária, que tem tido um desempenho semelhante ao da China, frequentemente destacada no cenário mundial. Há, portanto, uma China dentro do Brasil, o que não é reconhecido pela maioria das pessoas e das instituições, inclusive do Governo Federal. Tudo isto, apesar das enormes deficiências logísticas.

Plantio

A ciência do solo brasileira buscou alternativas para reduzir os efeitos da erosão pela intensificação da exploração agrícola ocorrida a partir dos anos 1950, mas a mudança só se deu mesmo com a adesão do SPD

Isto se explica pelos dados da Conab, que mostram, comparando as safras de 1976/77 e 2016/17, nos cereais houve um aumento de apenas 33% na área plantada, porém com um aumento de 386% na produção, advindo do aumento da produtividade média em 26...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista A Granja, clique Aqui e Assine Agora!