Cartas, Fax e E-Mails

 

TRIGO, A INCERTEZA DO INVERNO

Ao ler a reportagem sobre a safra 2015 de trigo (reportagem de capa de abril), fiquei pensando o absurdo que é o Brasil precisar importar praticamente a metade do trigo que consome. Um país como este, que orgulha a todos por ser um grande produtor de soja, milho, café, carne e muito mais, não consegue gerar trigo suficiente para nossas mesas. Quem vai entender? Sugiro que o Governo dê início já a um plano robusto, um grande programa, sei lá, para que o Brasil se torne autossuficiente em trigo em no máximo cinco anos.

Regina Lemes por e-mail.

TRIGO, A INCERTEZA DO INVERNO II

Gostei de saber que o Brasil poderá aumentar a área e a produção de cevada nos próximos anos para a produção de malte para a cerveja. Bom saber que é possível se investir nessas alternativas de cultivos, fugindo das culturas mais tradicionais e de grande escala. O Brasil é tão grande, tem solos e climas tão diversos, assim como perfis de agricultores tão diferentes. Então, devemos sempre buscar alternativas, desde que sejam rentáveis, é claro.

Alencar de Souza Campo Mourão/PR


ESFORÇO PELA LOGÍSTICA DO AGRONEGÓCIO

Achei interessante a reportagem sobre as melhorias na logística que beneficia o agronegócio brasileiro (Esforço para a safra não parar, edição de abril). Que gratificante às vezes ler algo positivo feito pelo Governo, principalmente em tempos como este, com tantas notícias negativas na nossa imprensa todos os dias. Eu fico particularmente feliz quando vejo iniciativas do Governo em prol do agronegócio, afinal, esse segmento é o que segura este País de pé.