Gente em Ação

 

UPL PARTICIPA DO WINTER SHOW

Com a presença de mais de 3 mil pessoas, o Winter Show, realizado pela Cooperativa Agrária em Guarapuava/PR, se consolida como o maior evento de culturas de inverno do País. Trigo, cevada, aveia e canola são culturas com grande potencial de crescimento e forte demanda por tecnologia de ponta para combater doenças e potencializar a produtividade. A presença da UPL no evento, explica Paulo Calçavara, gerente regional da empresa, teve como objetivo levar novas soluções a técnicos, consultores e agricultores, como herbicidas, inseticidas, fungicidas, produtos para nutrição e sementes Advanta.

Paulo Calçavara


CLUBE DA CANA DA FMC DEBATE DESAFIOS DO SETOR

Os lançamentos do produto biológico para cana Nemix C, do Manual da Identificação de Pragas de Cana e o anúncio da proposta de um projeto nacional em prol do setor canavieiro foram destaques da 18ª edição do Clube da Cana da FMC Agricultural Solutions, evento que reuniu mais de 500 lideranças do segmento em Guarujá/SP. Entre as abordagens, o diretor comercial, Ronaldo Pereira, explicou o tema O Valor do Cliente. "Valor é aquilo que a pessoa que está do outro lado percebe, e não o que achamos que é. Entregamos valor no que vocês precisam e demandam e é essa a sintonia que a equipe FMC tem buscado ao passar dos anos."

Ronaldo Pereira


DIVISÃO AGRÍCOLA DA BASF TEM NOVO VICE-PRESIDENTE

A Basf anunciou a nomeação de Francisco Verza como vice-presidente da Unidade de Proteção de Cultivos para o Brasil. Um dos desafios do executivo será atualizar o portfólio de produtos e maximizar a participação da companhia no mercado local. Engenheiro agrônomo pela Universidade de Agronomia de Paraguaçu Paulista/SP e com MBA pelo Ibmec, Verza está na empresa há quase 30 anos. "Estou muito contente em voltar às minhas raízes, isto é, trabalhar no meu país e poder contribuir para consolidar ainda mais a estratégia deste negócio", afirma.

Francisco Verza


MONSANTO LANÇA SEGUNDO FIDC PARA AMPLIAR FINANCIAMENTO

A Monsanto do Brasil acaba de lançar seu segundo Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) no País. A operação, no valor de R$ 300 milhões, contou com a participação de 137 fundos de investimento. As quotas do FIDC Monsanto II receberam nota brAAA, a mais alta da agência de classificação de risco Standard & Poor's. A operação foi liderada pelo banco JP Morgan e a administração ficará a cargo da Citibank DTVM. "O FIDC Monsanto II é mais uma forma de ampliar opções de financiamento para nossos clientes, aliando soluções de mercado interessantes para os investidores", afirma Eduardo Bezerra, diretor de Finanças e Estratégia Corporativa.

Eduardo Bezerra


BAYER INVESTE HÁ DEZ ANOS NO FIBERMAX

A alta tecnologia é uma realidade presente há anos na cotonicultura brasileira. O crescimento dos cotonicultores brasileiros se funde em muitos momentos com a presença no campo das sementes FiberMax, da Bayer CropScience, lançadas há dez anos no Brasil e formadas com o que existe de melhor no banco mundial de germoplasma. Marcus Lawder, gerente de Produtos Sementes de Algodão, explica que a Bayer investiu fortemente no programa de qualidade de sementes, nos últimos anos, que proporcionem mais vigor, germinação, sanidade e pureza de traits. "Há três anos, temos o selo de certificação ISO 9001 no processo produtivo de sementes de algodão no Brasil", destaca.

Marcus Lawder


PROGRAMA DE APLICAÇÃO RESPONSÁVEL DA DOW

Criado em 2010 com o objetivo de disseminar as boas práticas agrícolas, o Programa de Aplicação Responsável (PAR), promovido pela Dow AgroSciences, encerra 2013 com um expressivo balanço de treinamentos. "No total, tivemos mais de 2 mil participantes e 50 municípios das cinco regiões do Brasil no calendário dos treinamentos. Desenvolvemos oficinas teóricas e práticas para um público formado por agricultores, operadores de pulverizador, técnicos e engenheiros agrônomos", destaca Ana Cristina Pinheiro, especialista em Product Stewardship.

Ana Cristina Pinheiro


DUPONT UNIVERSIDADE É REALIZADO NA BAHIA

A DuPont Produtos Agrícolas, em parceria com a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, realizou no mês passado em Vitória da Conquista/BA mais uma edição de seu projeto socioambiental DuPont Universidade. O programa faz parte da plataforma Segurança e Saúde no Campo de caráter socioambiental da empresa, que, segundo Maurício Fernandes, gerente de Product Stewardship, concentra investimentos em cinco projetos focalizados no uso correto e seguro de defensivos e na preservação do meio ambiente. O DuPont Universidade focaliza o uso correto e seguro de agroquímicos nas escolas técnicas e de Agronomia.

Maurício Fernandes


IHARA DIVULGA CULTIVIDA EM PERNAMBUCO

Com o intuito de conscientizar os trabalhadores para que façam o uso adequado dos agroquímicos, a Ihara realizou o Cultivida em Petrolina/PE. Profissionais de saúde tiraram dúvidas e receberam orientações sobre como identificar e tratar uma intoxicação por agroquímicos. Além disso, 600 pessoas, entre agricultores e seus familiares, assistiram a palestras e receberam material instrutivo sobre como utilizar os defensivos agrícolas de forma correta. Também houve ampla programação cultural, incluindo temas sobre Boas Práticas Agrícolas em encenação do grupo Trupé de Teatro.

Cultivida levou teatro a Petrolina


ARYSTA ORIENTA SOBRE A RESISTÊNCIA AO GLIFOSATO

A proposta do Especial Ervas Resistentes, dentro do canal online interativo www.arystanocampo.com.br, é fomentar a discussão sobre a resistência de plantas daninhas ao glifosato e apresentar soluções concretas. Um dos desafios trazidos pela evolução tecnológica da agricultura é o controle de daninhas resistentes ao uso maciço de herbicidas, como este caso. Para o diretor técnico regional, Gustavo Yépez Gil, hoje as soluções passam, necessariamente, pela utilização de uma variedade de herbicidas seletivos com modos de ação diferentes. "A consultoria técnica de um especialista é sempre indicada para recomendar o melhor produto para o problema específico de cada área."

Gustavo Yépez Gil