Vitrine

 

AS MUITAS (E BOAS) POSSIBILIDADES DE 2013

O produtor já está de olho em dois horizontes: 1 - a lavoura de milho e soja, que cresce vigorosa e em algumas regiões até já frutifica; 2 – o mercado segue inabalável e consistente e deverá lhe propiciar a renda que ele merece. Neste momento, um terceiro horizonte surge em sua retina: em que aplicar a remuneração que cairá (ou já caiu) em suas mãos: comprar terra? Trocar de máquina? Dar-se de presente uma picape nova? Antecipar a compra de insumos da safra 2013/14? Antecipar o pagamento de uma dívida e assim obter um bom desconto? Fomos buscar as opiniões e considerações de especialistas e o que eles sugeriram/alertaram compõe a nossa reportagem de capa.

Ainda sobre o tema futuro, o consultor e palestrante Anderson Galvão, da consultoria Céleres, foi ouvido na seção O Segredo de Quem Faz sobre o que se pode esperar do agronegócio brasileiro e mundial em 2013. Ele fez uma avaliação positiva do próximo ano. E até do seguinte. “Com a demanda global mantendo-se aquecida para alimentos, os agricultores brasileiros serão beneficiados, com demanda garantida para os seus produtos.”

Quem já está no futuro – ou seriam os outros que estão no passado!? – é a Coreia do Sul. A reportagem d’A Granja visitou o famoso “tigre asiático” e pôde observar a infraestrutura que o cidadão coreano desfruta. Linhas de metrô para todos os lados de Seul, estradas em excelente estado de conservação, ferrovias cortando o país com vagões cheios de gente e de produtos. E não há nenhum acomodamento, não. É só conferir a foto nesta página, de uma elevada em construção para mais uma ferrovia. Detalhe: a foto foi tirada do interior de um trem de alta velocidade, a mais de 300 quilômetros/hora.

Bem, enquanto este futuro não chega (ou não o construímos), melhor é nos preocuparmos com o presente. Por isso, esta edição veicula artigos técnicos sobre temas da ordem do dia, como nematoides da soja, a escolha da água certa para a pulverização, a otimização da máquina e a capacitação do operador. E muito mais!

Feliz Natal e até 2013!