Na Pista - Expoinel

Brinde ao RANKING NACIONAL DO NELORE

Com vendas expressivas, 40a edição da Expoinel bate recorde de faturamento

Bruno Santos
[email protected]

Histórica, esta é a palavra que define a 40ª Exposição Internacional do Nelore – Expoinel. A feira teve 12 leilões oficiais, com faturamento recorde de R$ 44,4 milhões, crescimento de 42% sobre o ano passado.

Realizada pela Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), com o apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), de 16 a 25 de setembro, em Uberaba/MG, a exposição teve o maior faturamento dos últimos 10 anos. “Os resultados financeiros da Expoinel confirmam que o Nelore é sinônimo de moeda forte e representa um investimento seguro”, afirma Felipe Picciani, presidente da ACNB.

Com a participação de 1.001 animais, de 125 criatórios, os campeonatos mostraram qualidade e padronização. Depois de uma disputa acirrada, o touro Regato FIV AJJ, pertencente a Antonio José Junqueira Vilela, sagrouse Grande Campeão. Rufo FIV da Valonia, da Comapi, foi o Reservado.

A Grande Campeã foi Bélgica 8 FIV da 3R, propriedade da Rima Agropecuária. Hemppa 2 TE Porto Seguro, de Dorival Antonio Bianchi, ficou com o Reservado. Os títulos de Melhor Criador e Melhor Expositor foram conquistados pela Jatobá Agric. Pec. e Indústria S.A (Itaquiraí/MS).

Programação

Um dos destaques da Expoinel foi uma cerimônia para que a ACNB homenageasse os veículos de comunicação pela cobertura jornalística de excelência e pela contribuição para o fomento e a divulgação da raça Nelore. O Diretor-executivo da Revista AG, Eduardo Hoffmann, recebeu a placa de reconhecimento das mãos do presidente e da vice da ACNB, Felipe Picciani e Alice Ferreira (foto).

Houve, também, a 1ª Mostra Científica, que reuniu 100 pessoas para palestras com Profº Pedro de Felício, da Unicamp, e Alexandre Zadra, gerente- técnico de genômica da MSD Saúde Animal. Gisele Fernanda Greghi, da USP/Pirassununga, conquistou o primeiro lugar com trabalho sobre “Desempenho de Novilhas da Raça Nelore em Confinamento frente à Suplementação de Enxofre Orgânico e Inorgânico”.


Liquidação Mata Velha, o destaque dos leilões

A Expoinel começou quente com os três remates da Mata Velha, de Jonas Barcellos, que chegaram à incrível marca de R$ 28,9 milhões. Segundo Paulo Horto, proprietário da Programa Leilões, foram batidos os recordes de venda e média da raça. Logo no primeiro dia, em 16/09, houve a comercialização mais disputada da história do Nelore, quando 50% da fêmea Parla FIV AJJ foi comercializada por R$ 2,5 milhões. A matriz carrega o título de bicampeã da Expozebu. Os compradores foram AgroZurita, Agropecuária Singular e RIMA Agropecuária. Outra fêmea bastante valorizada foi Elegance II Unimar, vendida por quase R$ 3 milhões. Os três leilões da Chácara Mata Velha venderam 62 animais, dos quais 60 fêmeas e dois machos. A média atingiu R$ 466 mil.