A Granja do Ano – 33 anos da melhor prestação de informações e serviços ao profissional do campo.

Radiografia das principais atividades agrícolas, relação de instituições e empresas do agronegócio brasileiro.

Destaques - Trigo

O RESPEITO que o trigo merece

Apesar de problemas climáticos, a C. Vale projeta crescer 30% em 2016 e atingir o faturamento de R$ 7,2 bilhões


C.Vale Cooperativa Agroindustrial

• Sede: Palotina/PR
• Número de associados: 18.300
• Associados triticultores: 1.787
• Municípios presentes: 71
• Faturamento em 2015: R$ 5,5 bilhões
• Faturamento em 2016 (previsão): R$ 7,2 bilhões


A Granja do Ano — Qual a expectativa do associado em relação ao trigo?

Alfredo Lang — O trigo é a solução agronomicamente mais correta para combinar com a soja, por ajudar no controle de plantas daninhas. No entanto, por questões de preço, de um sistema mais eficiente de seguro agrícola e por falta de prioridade de nossas autoridades, vem perdendo espaço para o milho safrinha, que tem se mostrado mais rentável.

A gente não vê indicações de que essa situação vai mudar tão cedo. A rentabilidade da safra deste ano só vai ser conhecida aos 45 do segundo tempo. Considerando-se que a meteorologia prevê geadas tardias, será preciso aguardar a colheita para se saber se o trigo será rentável ou não em 2016.

E sobre as demais atividades, tanto de agricultura e pecuária, quais as projeções e expectativas dos associados da cooperativa para o ano agrícola 2016/ 17?

Nossa projeção é ampliar o faturamento em aproximadamente 30% este ano, apesar da retração da economia. Tivemos uma boa safra de soja no verão e preços atrativos que permitiram bons resultados. No caso do milho safrinha, o desempenho não foi tão favorável. Tivemos problemas com estiagens em abril, excesso de chuvas em maio e geadas em junho. Quem conseguiu plantar cedo se saiu melhor e conseguiu boa rentabilid...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante desta revista, clique Aqui e Assine Agora!