A Granja do Ano – 33 anos da melhor prestação de informações e serviços ao profissional do campo.

Radiografia das principais atividades agrícolas, relação de instituições e empresas do agronegócio brasileiro.

Pulverização

REVOLUCIONÁRIA na proteção de lavouras

A Jacto comemora em 2014 os 25 anos da invenção do pulverizador automotriz, o Uniport, e os 35 anos da colhedora de café, a K3

A Granja do Ano — Quais as perspectivas e as estimativas da Jacto para o ano agrícola 2014/15, tanto para os negócios da empresa quanto para o agronegócio brasileiro e mundial?

Valdir Martins — Para 2014, enxergamos um ano de boas safras em quase todas as regiões, em razão da previsão de clima favorável. No entanto, com posições de preços das commodities, sobretudo grãos, abaixo dos praticados em 2013. Isso significa uma rentabilidade menor para o produtor, mas ainda em um bom nível. As taxas de juros dos financiamentos também passam por um momento de correção, sendo reajustadas, mas como o agricultor está capitalizado e com perspectivas de crescimento, há um cenário favorável no que tange à continuidade nos investimentos em tecnologias e equipamentos. Neste sentido, em 2014 lançamos um novo plano no Consórcio Nacional Jacto. Com a nova opção, poderão ser adquiridos os equipamentos da Família Uniport e as colhedoras de café modelos KTR e K3 com 102 meses para pagar, podendo ser pagas mensalmente, trimestralmente, semestralmente e até anualmente. Tivemos nossa primeira assembleia em agosto e nossa segunda será realizada durante a Expointer.

Quais são os diferenciais do pulverizador Uniport 3030, um dos principais produtos da empresa?

O Uniport 3030 reúne em um único equipamento um conjunto de soluções para o veículo, aplicação e tecnologia, voltados a atender as atuais demandas do produtor, oferecendo controle, gestão e informação da operação de pulverização com foco na qualidade, eficiência e produtividade. O Uniport 3030 diferencia-se dos outros pulverizadores da Jacto por apresentar maior nível de tecnologia embarcada, barras de maior comprimento, maior altura de aplicação e maior vão livre, controle de pulverização com abertura e fechamento bico-a-bico (permitindo alcançar reduções de custo que podem chegar até 10%), calibração automática, maiores velocidades de aplicação e transporte e exclusivo sistema de telemetria.

Valdir Martins é
diretor comercial da
Jacto

Quais são as ações da empresa em capacitação e treinamento de operadores de seus produtos?

A Jacto possui um setor específico para treinamento, que realizam capacitações em sua unidade fabril ou in loco, por meio de parcerias com revendas e/ou fornecedores. O posicionamento da assistência técnica no campo, inclusive com aumento no número de técnicos, visa à maior eficiência no atendimento e na segurança para que o produtor possa ter sempre alguém próximo para lhe servir. Além disso, a Jacto mantém parcerias com instituições de ensino e pesquisa, a exemplo da Fatec Shunji Nishimura e o Senai, as quais estão voltadas para a formação base do profissional.

Quais as mais recentes conquistas e comemorações da empresa?

O ano de 2014 marca duas comemorações importantes para a Máquinas Agrícolas Jacto: 25 anos de lançamento do primeiro Uniport, pulverizador automotriz que iniciou uma mudança muito importante na mecanização agrícola, e os 35 anos de revolução na colheita de café, a partir do lançamento da K3, primeira colhedora de café desenvolvida no mundo. Nosso grande foco é a continuidade de um de nossos mais sólidos valores: o de estar sempre ao lado do agricultor e oferecer soluções em informações, serviços e equipamentos de qualidade e que atendam as suas reais necessidades no campo.