Familias

 

Com a SOJA no DNA

Por trás dos números que fazem a soja ser tão grandiosa estão famílias corajosas que encararam desafios, acreditaram no potencial do grão e transmitiram o conhecimento adquirido na lavoura para as novas gerações. São produtores que carregam a soja no DNA e constroem a trajetória de sucesso do grão em solo brasileiro

Denise Saueressig
denise@agranja.com

Os mais de 30 milhões de hectares cultivados com a soja de Norte a Sul são testemunhas de trajetórias de famílias que se formaram e cresceram em torno das propriedades. São histórias que ajudam a enriquecer o caminho do grão que se espalhou pelo País por meio do trabalho de homens e mulheres que desafiaram condições nem sempre favoráveis e hoje representam a produção da mais importante cultura agrícola brasileira.

Produtor Luiz Kulkamp (de chapéu) conta que o plantio da soja teve início na década de 1960 na propriedade da família em Maripá/PR

Relatos como o de Luiz Kulkamp, produtor em Maripá, no Oeste do Paraná, mostram que o caminho da família confunde-se com a evolução da lavoura. “Cheguei nesta propriedade com meus pais, em 1962, quando o sustento ainda vinha do milho, da mandioca e da criação de suínos”, lembra o produtor de 56 anos. “Mas ainda na década de 1960 meu pai começou a plantar a soja”.

Kulkamp recorda que, aos sete anos, no turno inverso ao da escola, ajudava o pai José Guilherme na lavoura. A época era de experimentações. A primeira safra foi cultivada no meio da plantação do milho, e o grande desafio era conseguir fazer a colheita. As sementes utilizadas ou eram as que ficavam guardadas de uma safra para a outra, ou eram trocadas com os vizinhos. Em 1972 veio o primeiro trator da família e, dois anos depois, a primeira colheitadeira.

Com ...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista A Granja, clique Aqui e Assine Agora!


Warning: getimagesize(/revistas/agranja/imagens/id_437/familias_1.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/storage/a/fb/47/edcentaurus/public_html/edcentaurus/application/controllers/AgranjaController.php on line 422