Leite & Cia

 

Nova recordista mundial de leite é filha de touro Semex

A fêmea da raça holandesa Bur-Wall Buckeye Gigi EX 94 3E quebrou o recorde mundial parindo aos nove anos e três meses, produzindo 33.891 kg de leite, com 965 kg de gordura e 972 kg de proteína em 365 dias. Gigi é filha de R-E-W Buckeye, um dos 11 touros “milionários” da central.


Encontro reúne empresas latino-americanas

A troca de experiências e conhecimento entre pequenos e médios produtores de lácteos foi a tônica da terceira edição do Encontro Latino-Americano para as Pequenas e Médias Empresas Lácteas (PMES Lácteas), ocorrido de 27 a 29 de abril, em Bento Gonçalves/ RS. O objetivo do evento foi oferecer aos interessados a possibilidade de semear conhecimentos e negócios para a cadeia produtiva.


Aumento de produtividade é o desafio

Quinto maior produtor do mundo, o país também tem um preço médio 18% superior frente a outros países exportadores (como EUA, Argentina, Chile e Uruguai), o que mostra como o produto nacional é valorizado lá fora. Contudo, a produtividade no segmento ainda é um desafio para o Brasil, em função da alta carga de tributos e dos custos trabalhistas e sociais.


Femêa Gir Leiteiro bate recorde mundial

Vicenza FIV Cabo Verde, do criador José Coelho Vítor, sagrou-se a grande campeã na categoria Fêmea Jovem (até 36 meses) no Concurso Leiteiro da 14ª Exposição Especializada do Gir Leiteiro de Passos/MG. O animal produziu nos três dias do concurso 168,925 kg de leite, com uma média de 56,308 kg. A nova recordista é filha de Jaguar TE do Gavião na Atlanta.


ABS Global Adquire ST. JACOBS ABC

A central anunciou a aquisição da renomada empresa da indústria de genética leiteira de elite fundada em 1958. Em 1990, a propriedade de Tim e Sharyn Abbott de Enosburg passou a fornecer touros para a ABS Global, sendo responsável por alguns dos mais importantes reprodutores da bateria. A compra inclui todos os touros St. Jacobs.


Ultra Clean oferece tecnologia contra contaminação

Leite, iogurtes e achocolatados deixam resíduos ao passarem por tubulações. Com o tempo, esses resíduos formam o biofilme microbiano capaz de prejudicar a qualidade final dos produtos. Para realizar a limpeza correta, a nova tecnologia UC System utiliza lançador pneumático que dispara em alta velocidade projéteis de espuma de poliuretano no interior das tubulações e mangueiras que recebem os produtos lácteos.